Essas são as casinhas de passarinhos mais bonitas que você já viu

Cinco erros que você não deve cometer na hora de guardar a ração do cachorro

calendarioPublicado em 17 de out de 2016 - Por Carolina Romanini

Até ontem eu guardava a comida dos meus cachorros da seguinte maneira: retirava da embalagem original e transferia para um recipiente de plástico limpo e vedado. Achava que, assim, a comida seria melhor conservada e ocuparia menos espaço no armário. Digo até ontem porque, descobri agora, este é um péssimo hábito.

+ Como fazer a troca de ração do pet sem prejudicar a sua saúde?

+ Como introduzir uma alimentação natural para o seu pet?

Retirar o alimento da embalagem é um grande erro. Expor a comida ao ar e à umidade pode favorecer a sua contaminação por bactérias, entre outras coisas.

O site PetMd listou cinco erros que NÃO devemos cometer na hora de guardar a ração dos cachorros. Veja abaixo quais são eles e mude já os seus hábitos — eu também vou mudar os meus.

1. Não jogue a embalagem fora

As melhores marcas de ração desenvolvem uma embalagem especial para conservar o alimento em ambiente e temperatura desejáveis. Além de manter a comida nas condições ideais, o saco de ração contém informações importantes como o lote e data de validade, que devem estar sempre ao alcance do tutor — especialmente em casos de ‘recall’.

2. Não deixe a comida exposta ao ar

Selar o saco de ração logo após o seu uso ajuda a retardar a degradação do alimento e prevenir a sua contaminação por bactérias, como a Salmonella. Quando exposta ao ar e à umidade, a comida perde seus nutrientes e apodrece mais rapidamente.

Dog eating dog food from a white bowl

+ Dez alimentos que podem matar seu cachorro

+ Dez coisas que você precisa saber antes de ter um cachorro

3. Não deixe a ração no sol

Expor a comida ao sol fará com que ela tenha a sua temperatura e umidade elevadas, fazendo com que ela apodreça mais rapidamente e também possa ser contaminada por bactérias.

4. Não dê comida vencida ao seu cachorro

Jamais faça isso. O prazo de validade é estabelecido para garantir a segurança do seu pet. Você não quer violar isso, não é mesmo!?

5. Não misture ração velha com ração nova

Sabe aquele restinho de ração que sempre fica no fundo do saco? Não misture ele com a ração nova. Aquele dedinho de ração antiga pode ser o suficiente para contaminar todo um pacote novo.

Carolina Romanini

Apaixonada por animais, escreve sobre o assunto há anos. Já passou por veículos como Veja e Veja São Paulo, e agora tem ataques diários de fofurice no PetCidade. É mãe de três peludos: Ernesto (um buldogue francês que parece gente), Nina (a vira-lata mais elegante e ciumenta do mundo) e Ronda (uma scottish terrier com personalidade de onça).

Comentários